Menu Envie sua pauta
Grupo RBJ de Comunicação
Grupo RBJ de Comunicação,
06 de dezembro de 2021
Rádios

Família procura por jovem de 22 anos desaparecida em Candói

Roberta Aparecida da Silva Batista não mantém contato com a família desde o dia 22 de abril.

Polícia

por Evandro Artuzzi

Publicidade

O suposto desparecimento de uma jovem de 22 anos está sendo investigado pelas autoridades policiais em Candói, no Centro Sul do Estado. No sábado (1º), uma mulher que mora em cascavel entrou em contato com a PM relatando que desde o dia 22 de abril não consegue mais contato com a irmã.

Conforme ela, foram enviadas mensagens via WhatsApp, bem como feitas ligações telefônicas, todas ignoradas pela irmã, identificada como Roberta Aparecida da Silva Batista. A mãe, que mora em Candói, também contou que há dias não mantinha contato com a filha e no dia 30 de abril procurou a polícia para registrar o desaparecimento. Ela teria conversando com o marido da filha, o qual se contradisse em algumas informações, o que gerou suspeita por parte da família.

O marido, inclusive, teria procurado a polícia no dia 28 de abril com a finalidade de registrar um boletim, alegando que a esposa teria desaparecido deixando a filha de um ano e seis meses. Ainda no sábado, no período da tarde, uma familiar de Roberta voltou a entrar em contato com a Polícia Militar, alegando que esteve na casa e ouviu um choro, como se fosse de uma pessoa amordaçada. Por conta da suspeita de um possível crime de cárcere privado, a PM esteve no local e depois de algum tempo conseguiu ter acesso ao interior da residência, mas não havia ninguém, apenas um rádio ligado com volume alto.

Segundo a família de Roberta, no interior da casa foram encontrados todos os seus pertences. O caso foi repassado à Polícia Civil que vai apurar o que aconteceu com a jovem Roberta Aparecida da Silva Batista, de 22 anos.  (Fonte: Polícia Militar)

Publicidade