A Câmara de Vereadores votará em segundo turno na próxima segunda-feira (17), o Projeto de Lei (12/2017) que institui o programa de auxílio aos atletas amadores e técnicos de Palmas, sul do Paraná, para disputas de competições em todo o território nacional. A proposta é do Poder Executivo e, conforme o prefeito, Dr. Kosmos, é uma antiga reivindicação da sociedade que consta de seu plano de governo.

Na prática, a nova legislação permitirá o ressarcimento das despesas mediante comprovação de gastos através de documentos fiscais em nome da prefeitura de Palmas. O programa é direcionado a atletas de competições amadoras com acompanhamento de profissional responsável habilitado e formado em Educação Fisica (CREF), mediante o agendamento.

Conforme explicou a professora Elisabete Dias – chefe da Divisão de Esportes -, a proposta foi, inicialmente, encaminhada ao Departamento Jurídico, que apresentou meio legal para a instituição da “Bolsa Atleta para competições, oficiais e não oficiais, em níveis regional, estadual e nacional aos que não dispõe de recursos financeiros para arcar com despesas de alimentação em viagem, taxa de arbitragem e inscrições.