O Marreco Futsal lamentou o empate contra o Foz Cataratas pela Liga Nacional nesta quarta-feira, 21, no ginásio Arrudão em 3 a 3. O motivo é o pênalti marcado para o Foz nos minutos finais da partida, alegando que a bola havia tocado no braço do ala Alexandre Pintinho, sendo que, logo na sequência aconteceu um lance semelhante, mas a arbitragem não aplicou o mesmo critério para marcar a penalidade em favor do time beltronense. Todos os atletas do Marreco confirmaram que a bola não tocou no braço e a imagem da transmissão da LNFTV também mostrou que foi o goleiro Difanti que fez a defesa.

O torcedor beltronense que foi ao ginásio vaiou a equipe da arbitragem após o término da partida.

Em quadra, Marreco e Foz fizeram um jogo digno de times de Liga Nacional e o resultado foi o empate. Os gols da equipe beltronense foram marcados por Alexandre Pintinho, Canabarro e Pedro Rei. O Foz marcou com Pierre, Jaison e Trentin.

Com o resultado, o Marreco ainda não está matematicamente classificado e tem mais uma partida em casa, no próximo sábado, 24, contra o Minas, no ginásio Arrudão, às 13h15.

Na classificação, o time do Sudoeste está em 14ª lugar com 18 pontos. O Foz Cataratas é 10º colocado com 22 pontos.

Entrevistas jogadores: