• Compartilhe no Facebook
A movimentação nas sessões eleitorais de Francisco Beltrão é grande, pois a biometria é uma novidade para os eleitores da cidade e ainda apresenta dificuldade na leitura da digital. Outro problema constatado nos locais de votação é a falta da “cola” dos candidatos. O chefe do cartório eleitoral, Arno Wolf Junior concedeu entrevista às 11h30 para fazer uma avaliação preliminar da manhã de votação deste dia 07 de outubro e disse que as filas são registradas em todos os locais e com paciência, todos vão poder registrar o seu voto. “Temos sessões que os eleitores demoram 15 minutos para votar e temos registro também de que pessoas ficam na fila por até 1 hora”, disse Arno. Ele recomenda que os eleitores se dirijam para as suas respectivas sessões o quanto antes, para não gerar uma fila maior, nos minutos que antecedem o encerramento da votação, programado para às 17h.

“Pela manhã, apenas uma urna, no bairro Industrial foi substituída, porque travou. Quanto a boca de urna de candidatos ou correligionários está tudo tranquilo. Inclusive, na questão ambiental, são poucos santinhos, ou quase nada, espalhados nos locais de votação”, confirmou Arno.

A expectativa de apuração das 203 seções eleitorais de Francisco Beltrão é de que antes das 18h deste domingo, todas as informações sejam repassadas ao TER, tanto da cidade, quanto do interior.

A agilidade na apuração se deve ao fato de que as informações agora são repassadas via sistema pelos presidentes de seção. Eles não precisam mais se deslocar pessoalmente até à sede do Fórum, podendo transmitir os dados pela internet.

As parciais de deputados, senadores e governador devem ser divulgadas quase que instantaneamente, no entanto, o primeiro resultado da votação para presidente será conhecido a partir das 19h, devido ao fuso horário do Acre. Lá, são duas horas de diferença para o horário de Brasília e a divulgação antecipada poderia acabar influenciando eleitores que ainda não votaram, segundo o TSE (Tribunal Superior Eleitoral).