Homem, branco, 51 anos, casado, empresário, ensino superior completo e patrimônio de R$ 1,1 milhão. Esse é o perfil médio dos prefeitos eleitos na região Sudoeste do Paraná nas eleições do último domingo (15). O levantamento foi realizado pelo Departamento de Jornalismo da Rádio Club de Palmas junto à Justiça Eleitoral.

Dos 42 municípios da região, 39 (93%) serão governados por homens e três (7%) – Clevelândia, São Jorge D’Oeste e Manfrinópolis – terão mulheres em seu comando a partir de 2021. Dos eleitos, 40 (95%) são brancos e dois (5%) declaram ser pardos.

  • Compartilhe no Facebook

A idade média dos prefeitos sudoestinos eleitos é de 51 anos. O mais velho é o prefeito de Renascença, Idalir Zanella, com 70 anos, e o mais jovem é o prefeito eleito de Vitorino, Marciano Vottri, que tem 34 anos.

Mais da metade dos eleitos – 26 – declaram ser casados, sete são solteiros, cinco divorciados, três separados judicialmente e um viúvo. Entre 42 prefeitos, 10 (24%) declaram ser empresários. A segunda ocupação mais declarada foi a de prefeito, com sete.

A maioria dos eleitos também declarou ter ensino superior completo. Em seguida, estão os candidatos com ensino médio completo.

  • Compartilhe no Facebook

Somado, o patrimônio dos prefeitos eleitos na região é de mais de R$ 46 milhões, uma média de R$ 1,1 milhão para cada. Porém, não são todos os que declaram ter um patrimônio milionário. Um dos eleitos, por exemplo, declarou não possuir nenhum patrimônio. Na outra ponta, 12 candidatos declararam patrimônios superiores a R$ 1 milhão e um deles declarou mais de R$ 14 milhões.