A Semana do Meio Ambiente que tem seu dia comemorativo em 05 de junho, teve atividades no aterro sanitário em parcerias das Secretarias de Agricultura e Meio Ambiente, Educação, IFPR, e Escolas Municipais de Palmas, sul do Paraná.

Com uma população urbana de quase 50 mil habitantes, são gerados ao dia aproximadamente 25 mil quilos de lixo. Mais de 50% é dispensado no aterro. Com a falta de conscientização em fazer a separação correta do que pode ser reciclado, o tempo de utilização do aterro vem diminuindo. Estima-se mais 15 anos de durabilidade, conforme informou o Secretário de Agricultura e Meio Ambiente, Edson Luiz Cassaniga.

Várias Escolas Municipais participaram do Dia de Campo, ocasião que os alunos conheceram o aterro sanitário, visitaram o setor de separação do lixo, ouviram palestras sobre a importância em destinar corretamente o lixo produzido. Também foram apresentados ao Projeto Sala Verde do IFPR, coordenado pelo professor de Biologia, Laércio Peixoto.

A professora Cleonice Stingelin, da Escola Municipal Senhorinha Miranda Mendes, destacou que as atividades tem o intuito de conscientizar as crianças, pois,  elas levam esse conhecimento para suas casas e familiares. O aluno, Lucas de Lima, 10 anos, pediuque as pessoas façam sua parte, separando lixo e cuidando do planeta, pois o futuro dele e de outras crianças depende das atitudes dos adultos nos dias de hoje.