Para reunir alunos e propor atividades em casa durante a quarentena, uma professora de Vargeão, SC, criou um grupo de estudos pelo WhatsApp. Pensando na educação dos alunos, e com objetivo de não perder o contato com as matérias que vinham sendo aplicadas, a professora, Lidiane Margite Zorzetto, que leciona para turmas do quinto ano, na Escola Fortunato Danielli, aderiu ao método de aulas online.

As orientações foram sugeridas através da Secretaria da Educação, onde as diretoras da escola seguiram com o cronograma, mantendo suas atividades pela rede social. “A importância disso é com nosso aluno, que está em processo de aprendizado e que não pode ficar defasado até que todo esse problema de epidemia se resolva e que eles consigam retornar à escola. Pois estão no quinto ano do ensino fundamental, um processo de aprendizado muito importante para seu desenvolvimento”, explicou a professora. “Precisamos do apoio das famílias nessa etapa”, pediu ela.

O grupo de estudos irá permanecer no WhatsApp até que todos os alunos da turma sejam contatados, pois, conforme a professora Lidiane, que é pedagoga há 19 anos, nem todos eles possuem rede social ou acesso à internet.