O Câmpus Palmas do Instituto Federal do Paraná foi selecionado para participar do Projeto Rondon, projeto de integração social que envolve a participação voluntária de estudantes universitários na busca de soluções que contribuam para o desenvolvimento sustentável de comunidades carentes e ampliem o bem-estar da população, sob a coordenação do Ministério da Defesa.

O IFPR Palmas foi selecionado para realizar suas atividades na Operação Itapemirim, no município homônimo, no Estado do Espiríto Santo. Serão concedidas oito vagas para acadêmicos dos cursos de Agronomia, Ciências Biológicas, Artes Visuais, Sistemas de Informação, Administração e Química em sistema de livre concorrência entre os cursos.

Dentre o conjunto de ações que os acadêmicos palmenses deverão desenvolver estão: a capacitação de multiplicadores e servidores municipais na produção e difusão de material informativo para a população; Capacitar, mobilizar e realizar campanhas na área de saneamento ambiental, particularmente no que se refere a resíduo sólido, esgotamento sanitário e água; Capacitar produtores locais, com especial atenção a pequenos agricultores e pecuaristas; Incentivar o cooperativismo, associativismo e empreendedorismo para a geração de renda e o desenvolvimento econômico sustentável; Promover ações que desenvolvam o potencial turístico local, incluindo a capacitação de mão de obra ligada ao comércio de bens e serviços; Capacitar servidores municipais em gestão pública e de projetos; Disseminar soluções autossustentáveis e tecnologias sociais que melhorem a qualidade de vida das comunidades. A operação ocorrerá de 15 a 31 de julho.

Os acadêmicos interessados em participar da ação deverão comparecer na próxima quinta-feira (10), na Biblioteca do Câmpus, às 21h, onde serão expostos mais detalhes à respeito da iniciativa, bem como a inscrição dos concorrentes às vagas do Projeto Rondon.