O piso do pessoal do magistério de Palmas, sul do Paraná, foi estabelecido em R$ 1.149,40 para uma jornada de trabalho de 20 horas semanais para profissionais com habilitação em curso de magistério – Normal – em nível de Ensino Médio. O valor consta no Diário Oficial do Município(Dioems), desta quinta-feira(21). A publicação ainda trata da revisão do Plano de Cargos, Carreira e Remuneração do magistério municipal.

A Lei(2543/2017)prevê tempo de 33% da jornada de trabalho destinado a atividades de planejamento e avaliação do trabalho didático, à colaboração com a administração da escola, às reuniões pedagógicas, à articulação com a comunidade e ao aperfeiçoamento profissional, de acordo com a proposta pedagógica de cada escola.

A revisão do plano de cargos, a cada quatro anos a partir da publicação da Lei, será feita por uma Comissão Permanente de Acompanhamento, composta por indicados pelas Secretarias de Educação, Administração; Procurador Municipal; representante dos servidores indicados pelo sindicato da categoria.