A procura por emprego na reta final de 2016, não está sendo positiva para os candidatos que aguardam por uma oportunidade. Nessa época, o comércio tente aumentar as vendas, com isso abre oportunidades para vagas temporárias. Mas em Francisco Beltrão, maior município do sudoeste, a realidade tem sido outra.

Se comparado com mesmo período do ano passado, as empresas estão contratando menos. “Este ano as vagas temporárias diminuíram bastante. Algumas têm, porém, em menor quantidade do que imaginávamos que seria disponibilizado pelos empresários”. Comenta Jeferson Caminski, da Agência do Trabalhador de Francisco Beltrão.

Enquanto o setor varejista não contrata, por outro lado, as industrias abrem as portas, “está surgindo mais vagas na área industrial, na parte de produção. Mas no comércio está bem limitada”. A expectativa é que aumente a oferta de trabalho na próxima semana, quando o comércio inicia o atendimento diferenciado devido as festividades natalinas.

Se a oportunidade não aparece, o candidato deve ficar ligado nas mídias sociais, emissoras de rádio, TVs e outros meios onde são divulgadas as vagas. Na Agência do Trabalhador é outro meio de se atualizar das oportunidades, “vir a agência munidos de documentos, principalmente a carteira de trabalho para não haver perca de tempo, porque muitas vezes você é encaminhado para vaga de emprego na hora”. Frisa Caminski.