No 1º quadrimestre do ano, a prefeitura de Palmas registrou déficit de, aproximadamente, R$ 1,4 milhão, com arrecadação de R$ 37,6 milhões e despesas de R$ 39,1 milhões. A preocupação do setor contábil do município é que no 2º quadrimestre também haverá mais gastos do que receitas.

A manifestação do contador da prefeitura, Ezequiel Goulart, ocorreu na quinta-feira (22), durante audiência pública de prestação de contas da Secretaria de Saúde, na Câmara de Vereadores.

Conforme ele, a principal causa para o déficit é a queda na arrecadação, que está abaixo do registrado no ano passado. Outro fator, é o aumento das despesas públicas, “o que faz com que o Poder Público tenha que projetar o 3º quadrimestre de forma ainda mais racional”, para poder cumprir a Lei de Responsabilidade Fiscal, que determina que o município não pode contabilizar déficit no exercício anual.

Ouça a entrevista no player abaixo: