Visando agregar valor em suas atividades um grupo de produtores de Passos Maia (SC) recebendo qualificação para processamento do leite e carnes, através do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) e o Sindicato dos Produtores Rurais de Ponte Serrada.

Produtores de leite do Assentamento União do Oeste receberam treinamento para o processo de transformação do leite em iogurte natural, requeijão cremoso, requeijão em barra, leite condensado, doce de leite pastoso, pasteurização da nata, ambrosia, pé de moleque assado, doce de leite em barra, bebida láctea, doce de leite com frutas (ameixa, abacaxi e coco) e doce de leite com chocolate branco.

Na localidade de Conquista do Horizonte, na divisa com o município de Palmas, sul do Paraná, o curso qualificou os produtores na área de defumados e embutidos de carne suína, quando foram treinados para a produção de defumados, salame italiano, salame colonial, linguiça defumada, linguiça calabresa, fabricação de copa, presunto, linguiça de pernil, linguiça toscana, morcela branca e hambúrguer.

Segundo a diretora de Agricultura de Passos Maia, Cleusa Gabiatti, os derivados foram produzidos seguindo critérios de boas práticas na fabricação de alimentos, atendendo às exigências do mercado e legislação. “Ao invés de só vender o leite para o laticínio, o produtor pode aproveitar a matéria-prima para consumo próprio em diversos produtos e comercializar um produto valorizado, adequado aos padrões de qualidade”, avaliou. Ainda neste mês, ocorrerá curso de jardinagem e paisagismo no Assentamento Zumbi dos Palmares