O pacote de flexibilização dos saques do FGTS podem incluir item que impede o trabalhador de sacar recursos em caso de demissão. Neste caso, a pessoa teria que escolher entre sacar os recursos anualmente ou sacá-los uma única vez em caso de demissão sem justa causa.

Segundo o jornal Folha de São Paulo, o objetivo com isso é impedir que o trabalhador chegue a um acordo com o patrão para receber os recursos depositados. Para a equipe econômica, a medida também elevaria a produtividade. As medidas com as novas regras de saque do FGTS serão anunciadas na próxima semana.

Segundo o ministro Onyx Lorenzoni, as decisões serão feitas por meio de medida provisória.

Fonte: Gazeta do Povo.