As vendas ao mercado externo de produtos palmenses  representaram  crescimento de 14,07% no primeiro semestre 2013 em relação ao mesmo período do ano passado. As exportações alcançaram USS 67,1 milhões  contra USS 58,8 em 2102. O volume mensal tem se mantido entre US$ 10 e 11 milhões.

As importações caíram no período 10,45% quando os  gastos para compra de insumos para a indústria local. alcancaram US$ 425 mil dólares contra US$ 474 no ano passado. Os dados fazem parte do levantamento da Secex(Secretaria de Comércio Exterior) do MDIC(Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior).

As exportações de produtos à base de madeira totalizaram  US$ 59,2 milhões de dólares contra US$ 51,4 milhões em 2012, com crescimento de aproximadamente 15%.  A Heparina e sais, pela BIOTEE,  rendeu U$$ 7,6 milhões, com um crescimento de 6,7% em relação ao ano passado. Ainda compuseram a pauta, produtos da indústria metalmecânica e de embalagens, com um volume de venda de  US$ 140 mil dólares no período.

As vendas para os Estados Unidos aumentaram 671%neste ano, totalizando US$ 4 milhões. A Alemanha aparece como o principal destino dos produtos palmenses, com US$ 11,7 milhões de dólares, num  crescimento de 121% em relação a 2012. A Africa do Sul aumentou o volume de compras, em 470% e o Peru com 335%. Em contrapartida o Reino Unido diminuiu as compras em  42.94%