A sessão do Júri Popular no Forum da Comarca de Palmas, sul do Paraná, condenou ontem(08) o réu Jobrair de Jesus da Cruz, vulgo Polaco,41, a 4 anos e 8 meses de reclusão pelo crime de homicídio. Na tarde  de 02 de setembro de 2007, o réu disparou duas vezes com um revólver, calibre 32, contra  Edelson Tonial Correia.

 A vítima, que se encontrava no interior do Bar Popular, no centro da cidade, e de acordo com a denúncia tentava manter um relacionamento extra-conjugal com a esposa do homicida.

A sessão foi presidida pela Juiza, Camila Schraiber. Na acusação atuou o promotor, Felipe Lisboa Barcelos e na defesa, o advogado Luis Roberto Cadore que   anunciou que deve recorrer da sentença visando a redução da pena.