Quinta-feira (13) em uma metalúrgica de Pato Branco, no sudoeste, policiais civis da 5ª SDP e membros da 15ª Companhia de Engenharia de Combate Mecanizada do Exército de Palmas fizeram a destruição de várias armas fogo, entregues pela população durante a Campanha do Desarmamento. Segundo o responsável pelo posto de coleta de Pato Branco, Investigador Mazzochin, desde o início da Campanha Nacional do Desarmamento, em setembro de 2011, foram arrecadadas em Pato Branco e região aproximadamente 150 armas de vários modelos e calibres.

A destruição dessas é a última etapa após a entrega. Primeiramente a arma é inutilizada e desmontada ainda no posto de coleta, depois entregue para o Exército que faz uma nova destruição separando a parte de metal da parte de madeira e plástico e a última etapa é a destruição definitiva, como aconteceu nesta data, com o armamento sendo destruído completamente, a uma temperatura de aproximadamente 1.500 graus centígrados. No total foram destruídas 323 armas sendo parte arrecadadas na Campanha do Desarmamento e parte proveniente de apreensões em procedimentos judiciais já concluídos.

A Campanha Nacional do Desarmamento continua e para realizar a entrega de qualquer arma de fogo, o interessado deve entrar no site: http://desarma.mj.gov.br/, preencher uma guia de trânsito para realizar o transporte da arma até o posto de arrecadação.

Cada arma é indenizada com valores que variam entre R$ 150,00, R$ 300,00 e R$ 450,00 dependendo do tipo de arma. Também são arrecadadas armas artesanais do tipo taquari e armas de ar comprimido, mas estas não geram indenização somente recibo de entrega. Para maiores informações ou tirar dúvidas os interessados podem ligar no telefone 46-3220.0225, ou diretamente na sede da 5ªSDP.