Na foto jair Possel, que morreu no acidente, aparece junto com a esposa Laídes, que ficou gravemente ferida. Foto: Reprodução Facebook
  • Compartilhe no Facebook

Na foto jair Possel, que morreu no acidente, aparece junto com a esposa Laídes, que ficou gravemente ferida. Foto: Reprodução Facebook

A colisão frontal entre um caminhão e um carro na PR 182, a cerca de 10 km de Ampére, no sudoeste, deixou uma pessoa gravemente ferida e um morto nesta terça-feira (25). O acidente foi por volta das 17 horas no KM 493 da rodovia. Um Gol, com pacas de Francisco Beltrão, conduzido por Jair Antonio Possel, 69 anos, bateu de frente com um Caminhão de Santa Catarina, que era dirigido por Ernesto Frederico Weis, 51 anos.

Com o impacto, o motorista do Gol morreu na hora e esposa dele, Laídes Possel, 69 anos, ficou gravemente ferida. Ela foi socorrida pelo SAMU e encaminhada ao Hospital Regional e Francisco Beltrão. De acordo com o Cabo do Corpo de Bombeiros Demarco, ela apresentava várias fraturas pelo corpo. O motorista do caminhão não se feriu.

O acidente ainda envolveu um Celta, com placas de Marmeleiro, conduzido pelo agricultor José Francisco Gabenz que viajava acompanhado da esposa. O carro do casal foi atingido na lateral pelo Gol. Francisco contou que o Gol fazia uma ultrapassagem pela terceira pista e o condutor se perdeu entrando na frente do caminhão, que seguia sentido Ampére.

Segundo ele, foi tudo muito rápido, só deu tempo de jogar o carro no acostamento. Ele e a esposa não se feriram. A Polícia Rodoviária Estadual registrou a ocorrência e controlou o trânsito para evitar outros acidentes, uma vez que a rodovia tem movimento intenso. Criminalística e Polícia Civil estiveram no local com objetivo de apurar as causas do acidente. Em seguida, o corpo de Jair Possel foi recolhido ao IML de Francisco Beltrão.

Morte do filho

Um fato que chama a atenção é que nesse mesmo trecho, entre Francisco Beltrão e Ampére, morreu em agosto de 2009 um filho de Jair, o professor de educação história Ulisses Possel, que era bastante conhecido pela atuação como Papai Noel em Francisco Beltrão. Assim como o pai, Ulisses dirigia um carro que bateu contra um caminhão. Na ocasião, além dele um passageiro e colega de trabalho também morreu no acidente.

Fotos: Evandro Artuzi