Uma operação conjunta envolvendo as policiais civis e militares do Paraná e Santa Catarina nesta sexta-feira (19) resultou na prisão de quatro homens acusados de praticar vários assaltos em cidades do noroeste de Santa Catarina e Sudoeste do Paraná nos últimos meses. A última ação dos suspeitos aconteceu na madrugada de hoje (19).

Por volta da meia noite, os quatro armados com espingardas e revólveres invadiram uma propriedade no interior de Saltinho (SC) onde renderam um casal, que foi ameaçado e em seguida amarrado com fita adesiva. Depois de aproximadamente uma hora no local, os ladrões fugiram levando um Fiat Uno e diversos objetos de propriedade dos agricultores.

De Saltinho seguiram ao interior de Renascença, na comunidade de Linha Esperança, onde por volta das 03 horas da madrugada invadiram a casa do aposentado Elói Sebastião Correia de Souza, 69 anos. Ele e a esposa, de 68 anos, foram surpreendidos pelos bandidos, que queriam dinheiro e armas.

Os quatro vasculharam toda a residência e quando se preparavam para deixar o local levando objetos e uma camionete Ford/Ranger, de propriedade do aposentado, foram surpreendidos por policiais civis de Campo Erê (SC) e começaram a atirar. A polícia revidou e houve intensa troca de tiros, mas os bandidos abandonaram os carros e fugiram a pé.

Pouco tempo depois, invadiram outra propriedade rural na mesma comunidade, amordaçaram o casal e roubaram uma camionete F 1000, conseguindo empreender fuga. A partir daí, foram mobilizadas várias equipes policiais com intuito de fechar o cerco e localizar os bandidos. Até mesmo um helicóptero do SAER (Serviço Aéreo Policial) para auxiliar nas buscas, que só foram encerradas por volta das 16 horas com a prisão dos envolvidos.

Os quatro, segundo o delegado Henrique Nantes Valadão, foram encontrados no entorno da cidade, já em suas residências. Os suspeitos eram investigados a vários meses pela Polícia Civil de Campo Erê e pelo DIC (Departamento de Investigações Criminais) de São Lourenço do Oeste, ambos de Santa Catarina. Os quatro, que já tem mandado de prisão, foram encaminhados à Delegacia de Campo Erê (SC) para o flagrante. Na casa dos suspeitos foram apreendidos objetos roubados, alimentos, armas e munições.  Também foi recuperada a F1000 roubada durante a madrugada.

Apesar das prisões, a investigação ainda não será concluída e o delegado garante que novas diligências serão realizadas nos próximos dias.

Fotos: Portal Campo Erê/ Evandro Carlos Artuzi