Os primeiros resultados da ação de limpeza e conservação do Rio Ligeiro em Pato Branco já podem ser percebidos. Em dois dias de atividades os empregados da Sanepar, da Sanewal e da Prefeitura retiraram 10 metros cúbicos de resíduos das margens e no leito do Córrego Fundo e do Córrego Bonatto, ambos afluentes do Rio Ligeiro. Dentre os materiais retirados foram encontrados colchões, sofás, cobertores, garrafas PET, vidros, roupas, restos de móveis, eletrodomésticos como aparelho de som, micro-ondas, televisores e ventiladores. O volume retirado, estimado em cinco toneladas, foi encaminhado ao aterro municipal e lá será separado para que seja feita a destinação adequada.

Em paralelo ao trabalho de recolhimento de lixo, também foi feito um trabalho de sensibilização junto aos moradores ribeirinhos, mostrando que os principais problemas que afetam o rio e seu entorno são os lançamentos de lixo, entulhos e  animais mortos que, freqüentemente, são encontrados no rio.

Empregados da Sanepar fazem visitas de sensibilização aos moradores. Foto de divulgação
  • Compartilhe no Facebook

Empregados da Sanepar fazem visitas de sensibilização aos moradores. Foto de divulgação

Achado no lixo – Chamou a atenção a quantidade de roupas em boas condições que foram descartadas dentro do Parque Municipal Cecília Cardoso, no Bairro Bonatto. As peças foram recolhidas e selecionadas. Agora grande parte delas será lavada, desinfetada e destinada para entidades que atendem às famílias carentes do município. Nos trechos percorridos também foram encontrados restos de materiais de construção, árvores e muros caídos que contribuem para o assoreamento do rio. As áreas foram identificadas e posteriormente as equipes da Prefeitura farão a retirada de forma adequada. As equipes encontraram ainda grande quantidade de lixo nas margens, o que contribui para o mau cheiro do rio e também uma ligação clandestina de esgoto. As equipes da Sanepar que farão as vistorias técnicas no sistema de esgoto também farão os levantamentos necessários para identificar as fontes causadora da poluição. Os responsáveis serão notificados para que a situação seja regularizada no menor tempo possível.

No entanto, nem tudo o que foi encontrado é ruim. Durante as visitas ficou evidente que dentre os moradores, há os que promovem voluntariamente a limpeza de trechos de rio próximos de suas casas, deixando um ambiente melhor para todos.

Novas ações – No próximo sábado (06), as atividades de limpeza continuam. As equipes da Sanepar, do Corpo de Bombeiros, da UTFPR, da Prefeitura e do Grupo de Escoteiros Coroados retomam os trabalhos a partir do pátio da VVL Veículos, na Rua Barão Beltrão, esquina com a Avenida Tupi. O início está previsto para as 8h. As pessoas que queiram participar das atividades devem usar roupas e calçados apropriados, luvas e bonés e não esquecer o uso do protetor solar. As equipes de profissionais e técnicos capacitados farão os trabalhos no trecho canalizado do rio, onde requer maior cuidado e preparo. Nas vistorias serão avaliadas as estruturas das galerias de águas pluviais e as das redes coletoras de esgotos. Caso chova, a ação será adiada.

Fotos: Divulgação Sanepar