Denúncias anônimas levaram os policiais da Patrulha Rural e Rotam da 2ª Cia de Palmas, sul do Paraná, a aprenderem três armas de fogo no assentamento Paraíso do Sul. A operação em conjunto aconteceu na manhã desta sexta-feira (01). Três pessoas foram detidas e três armas apreendidas.

Cabo Fernandes comandante da Patrulha Rural relatou que o objetivo da operação era prender o suspeito de ter matado no último dia 21 de março, João Carlos da Silva, 29 anos, em frente à unidade de Estratégia de Saúde da Família (ESF) do bairro Aeroporto em Clevelândia. Ao ser preso o homem de 41 anos, confessou o crime.

Relatou que as outras duas armas que estavam de posse de um homem de 36 e 43 anos, foram denuncias da comunidade. As armas e os envolvidos foram conduzidos à delegacia para providências.