A ex-diretora de Cultura, Soraia Quintana, de Francisco Beltrão, se pronunciou oficialmente pela primeira vez, depois do pedido de exoneração do cargo. Na entrevista concedida à reportagem da Rádio Onda Sul FM, ela deixou claro que não foram motivos políticos. Porém, usou dois ditados populares para explicar a exoneração: “os incomodados que se mudem” e “muito ajuda quem não atrapalha”.

Ouça a entrevista feita pela repórter Ademir Augusto.