A 7ª Edição do Festival Internacional de Música Sonata já tem data para acontecer: entre 20 a 27 de outubro em Francisco Beltrão. Além tradicionais apresentações, o festival traz mais uma vez as oficinas e workshops com práticas e teorias em instrumentos e canto. “Cada edição nós temos um foco diferente, apesar de o objetivo sempre ser o mesmo: levar a música, em seus mais variados estilos, a toda população. Nesse ano, as oficinas já possuem destaque pela procura intensa de alunos da região e de outros lugares do País”, afirma Dotsy Myrna Santi Rebelatto, idealizadora e diretora pedagógica do festival.

As inscrições são gratuitas e já estão abertas – efetuadas exclusivamente na Sonata Escola de Música. No ato da inscrição, o aluno já saberá a data, local e horário das aulas. Dentre as 26 oficinas destacam-se piano, teclado, violão, guitarra, baixo, violino, viola de arco, violoncelo, bateria, percussão, história da música, contrabaixo sinfônico e okulele. Há turmas dos níveis iniciante, intermediário e avançado. O público também pode se inscrever nos workshops de piano, prática de orquestra de câmera e uma palestra sobre música.

“O aluno recebe gratuitamente o material e nós emprestamos o instrumento para ele participar das aulas. É uma ótima oportunidade para aperfeiçoar ou conhecer um novo instrumento. São mais de 15 professores vindo de várias localidades do Brasil, Argentina, México e Itália”, acrescenta Dotsy.

Todos que participarem das oficinas, com o mínimo de 80% de presença, receberão certificados. As aulas serão ministradas em diferentes locais da cidade – Sonata, Rotary, Cidade Norte, Colégio Militar, entre outros. “Queremos levar o festival a todos os cantos da nossa cidade. Esperamos a participação da população de Beltrão não só para as oficinas, mas também para assistir aos espetáculos”, diz Dotsy. “Será uma semana de muito aprendizado, conquista, emoção e descoberta. É uma semana de muita vida e energia”, completa.

As inscrições vão até 18 de outubro. As vagas são limitadas. O Festival Internacional de Música Sonata é viabilizado por meio da Lei de Incentivo à Cultura, do Governo Federal, em parceria com a Cooperativa de Arte do Sudoeste do Paraná (Coperarte).

Assessoria de Imprensa – Coperarte