Menu Envie sua pauta
Grupo RBJ de Comunicação
Grupo RBJ de Comunicação,
24 de junho de 2021
Rádios

Aulas presenciais na rede municipal de Francisco Beltrão iniciam no dia 10 de maio

O sistema adotado será o híbrido, respeitando metade da capacidade nas salas de aula.

Educação e Cultura

por Angela Maria

b33ad758-8305-4df5-bf35-9edf28dc2a9f
Publicidade

Está tudo organizado em Francisco Beltrão para o retorno das aulas presenciais na rede municipal de ensino na próxima segunda-feira, dia 10 de maio. Devido a pandemia, desde março do ano passado o ensino está sendo de forma remota.

A decisão pelo retorno foi tomada pelo prefeito Cleber Fontana, alinhado com as secretarias municipais de Educação e de Saúde. “Fizemos um planejamento para que todos que queiram possam retornar para a sala de aula com toda a segurança. Vamos adotar um sistema híbrido, mas todos terão a oportunidade de frequentar as aulas de forma presencial”, explica o prefeito.

A secretária municipal de Educação, Mariah Ivonete Silva, relata que toda a estrutura está pronta e organizada nas escolas e nos CMEIs (Centros Municipais de Educação Infantil). Nesta semana a secretaria promoveu reuniões com os diretores e coordenadores de todas as escolas e CMEIs.

“Tratamos da estrutura, protocolos de saúde, organização pedagógica e as demais orientações em geral. Toda a equipe de profissionais da educação está pronta, preparada e motivada para o retorno”, diz Mariah. Também estão garantidos o transporte escolar e toda a estrutura da merenda.

Publicidade
Publicidade

Sistema Híbrido

Os CMEIs funcionarão com 50% da capacidade. Um grupo frequentará pela manhã e outro à tarde. Desta forma, todos serão atendidos em meio período. Nas escolas será feito o rodízio, também respeitando metade da capacidade. Um grupo de alunos frequenta a escola uma semana e na semana seguinte faz atividades em casa. Quem estava em casa vai para a escola naquela semana.

Os pais terão a opção de permitir que os filhos frequentem a escola ou permaneçam em casa, no chamado ensino remoto. A secretária explica ainda que todas as decisões passam pelos protocolos de saúde e de segurança. Serão feitas avaliações periódicas para ter certeza que tudo estará funcionando bem. A prefeitura vai disponibilizar máscaras e álcool gel para os alunos e profissionais da educação, além de escudo facial para os professores. (Assessoria)

Publicidade