Grupo RBJ de Comunicação
Grupo RBJ de Comunicação,
16 de abril de 2024
Rádios

Aspectos da cultura afro de Palmas integram livro da rede estadual de ensino

Caderno Pedagógico Oralidades Afroparanaenses está sendo entregue nas instituições de ensino do Paraná.

Educação e Cultura

por Guilherme Zimermann

webflyer_capa2-1
Publicidade

Os colégios da rede estadual de ensino do Paraná passarão a contar com o livro “Caderno Pedagógico Oralidades Afroparanaenses” para o desenvolvimento de suas atividades, contando com conteúdos sobre a cultura africana e afro-brasileira. Aspectos da cultura africana na formação do município de Palmas também fazem parte da obra.

De acordo com a Secretaria de Estado da Educação, a ideia da publicação é disponibilizar um material para amplificar o conhecimento sobre a presença, participação e contribuição do povo negro na construção do Estado.

O ciclo do tropeirismo, com a presença de membros das comunidade quilombolas de Palmas, além de poemas que retratam personalidades negras do município, fazem parte do livro, que está sendo entregue nas instituições estaduais.

A organização do material foi da professora Edna Coqueiro em conjunto com Melissa Reinehr e Kandiero, do Centro Cultural Humaitá. Eles são autores do livro “Oralidades Afroparanaenses: Fragmentos da Presença Negra na História do Paraná”, que inspirou a criação do caderno. Ao todo, foram impressas 2.667 cópias, que serão destinadas às escolas para subsidiar o trabalho dos docentes com a temática da educação para as relações étnico-raciais.

Publicidade
Publicidade

O Caderno é resultado de uma parceria entre o Departamento da Diversidade/Coordenação da Educação das Relações Etnico Racial e Educação Escolar Quilombola da Seed com a Editora Humaitá e professores da rede.

Publicidade