Grupo RBJ de Comunicação
Grupo RBJ de Comunicação,
14 de julho de 2024
Rádios
Publicidade

Alunos de Cel. Domingos Soares são premiados na Olimpíada Brasileira de Astronomia

Seis alunos da Escola Municipal Professora Aurora Fabrício das Neves Tortelli receberão medalha de ouro.

Educação e Cultura

por Guilherme Zimermann

OBA 2022 foguetes (3)
Publicidade
[Grupo RBJ de Comunicação] Alunos de Cel. Domingos Soares são premiados na Olimpíada Brasileira de Astronomia — Fotos: Assessoria/Divulgação
Fotos: Assessoria/Divulgação

Seis alunos da Escola Municipal Professora Aurora Fabrício das Neves Tortelli receberão medalha de ouro da Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA), promovida pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. Participaram da competição as turmas dos terceiros, quartos e quintos anos.

Os alunos Annaliah Carli da Costa, Angelo Felipe Argenta, Gustavo Rodrigues Savi, Hítalo Aguiar Hipólito de Oliveira, Isabel Bugs da Costa e João Vitor Rodrigues da Silva foram os premiados nesta primeira participação da escola e do município na OBA, e receberão as medalhas entre os meses de setembro e outubro deste ano.

“O sentimento é de muita alegria e orgulho, pois foram quase dois milhões de alunos inscritos nesta olimpíada. Isso é algo inédito para a nossa escola”, disse professor Vagner Palamar, que coordenou e desenvolveu as atividades com os alunos. Segundo ele, a OBA é uma espécie de recurso pedagógico, um instrumento que, muito mais do que premiar estudantes, atinge o objetivo de cativar o aluno pelo estudo da ciência. “Essa olimpíada envolve as disciplinas de Arte, Ciências, Física e Geografia, e é constituída de duas fases, sendo uma prova prática e uma prova teórica, sendo que as melhores notas classificam os alunos para o recebimento das medalhas. Este ano a média nacional foi de 9,2, e nossos alunos obtiveram notas entre 9,4 e 9,8”, complementa, orgulhoso, o docente.

Para a diretora da escola, Rosilei de Souza Graeff, este resultado representa um marco na instituição, que pela primeira vez participa desta competição. “É um feito muito grande para a nossa escola, para nós é uma grande realização. Foi a primeira vez que a escola participou. Só de participar deste tipo de evento é um incentivo para os nossos alunos, e nós queremos continuar participando e incentivando os nossos alunos a crescerem desse modo, com atividades que ajudam a formar pessoas ativas na comunidade”, destaca a gestora da instituição.

De acordo com a diretora do Departamento Municipal de Educação, Daiana Neves de Oliveira, a premiação ajuda na construção do currículo dos estudantes. “Futuramente pode ser avaliado por universidades de outros países também para admissão dos estudantes, e pode servir como entrada no ensino superior em algumas universidades federais. A gente tem que pensar grande e os nossos alunos são capazes”, comenta, agradecendo ao professor e à escola pelo empenho e dedicação no desenvolvimento das atividades.

Fonte: Assessoria/Pref. Cel. Domingos Soares

Publicidade
Publicidade
Publicidade