Avicultores da região realizaram um manifesto  ontem (01) pela manhã nas unidades da BRF (Brasil Foods) das cidades de Francisco Beltrão e Dois vizinhos.  O ato foi pacífico apenas com intuito de chamar atenção da direção da BRF.

Liderados pela Avisud ( Associação dos Avicultores Integrados do Sudoeste) eles reivindicaram pagamento de melhores preços aos lotes de frango e peru.  Conforme Valdinei Colognese, presidente da Avisud, atualmente a BRF paga cerca de R$ 6 mil por lote com 30 dias e as despesas somam R$ 5 mil, o que torna a atividade praticamente inviável.

A reivindicação é de um aumento de, pelos menos 15% para o frango e 20%  para o peru. Só assim os avicultores poderão se manter na atividade. Conforme Valdinei, a direção da BRF se comprometeu que fará o anúncio do reajuste na quinta-feira.  Ao cerca de 500 avicultores participaram da mobilização nas duas cidades e aguardam agora a posição da BRF.