A Associação Brasileira de Criadores de Caracu (ABCC), cuja sede nacional está instalada em Palmas, realizou no último sábado (17), a eleição da sua nova diretoria.

O criador Renato Visconti Filho, de Paraíba do Sul, Sul do Estado do Rio de Janeiro, assume as funções de presidente nacional dos criadores, substituindo Kiko Pagliosa que esteve à frente da associação desde 2016.

  • Compartilhe no Facebook

Pagliosa esteve à frente da associação entre 2016 e 2019 (Fotos: Guilherme Zimermann/RBJ)

Ao avaliar o seu mandato, Pagliosa pontuou algumas ações, como a modernização dos registros genealógicos, além da participação do Caracu em eventos internacionais, salientando também as dificuldades em assumir a função após o falecimento do então presidente da ABCC, Sady Marcondes Loureiro Filho.

Aponta que o principal desafio da nova gestão é a exploração de novos mercados, através do cruzamento com outras raças, para oferecer o volume de carnes necessário para a demanda dos consumidores.

  • Compartilhe no Facebook

Evandro Lara de Araújo segue como membro da nova gestão, ocupando o cargo de 1º secretário

 

Tesoureiro da Associação durante a última gestão, o criador Evandro Lara de Araújo assumirá o cargo de secretário na nova diretoria. Conforme ele, essa é uma forma de dar continuidade aos trabalhos das últimas gestões, agregado aos objetivos da nova presidência, de fomentar a entrada de novos criadores e ampliar a divulgação da raça.

  • Compartilhe no Facebook

Renato Visconti Filho assume a presidência da ABCC para a gestão 2019/2022

 

No próximo ano, a Associação Brasileira de Criadores de Caracu completa 40 anos. Conforme o novo presidente, Renato Visconti Filho, o objetivo da sua gestão será ampliar a atuação da raça, nacionalizando o acesso também à associação.

Reconhece que o Caracu está atrás de outras raças, apesar de ter uma das melhores carnes. Uma das causas é o rebanho reduzido, o que não dá condições para a oferta em larga escala. “Não temos um número expressivo de animais para essa demanda, mas podemos começar pelo mercado da carne gourmet, porque aí nós temos condições de atender”, considera.

Sobre as perspectivas para o seu mandato à frente da ABCC, Visconti espera que a sua gestão seja marcada pela visibilidade da raça, com dados estatísticos, “com subsídio técnico-científico, para que os criadores tenham certeza de que estão trabalhando com animais de excelente qualidade”.

 

Diretoria ABCC 2019/2022

Presidente: Renato Francisco Visconti Filho

Vice-presidente: Valdeci Alves Rezende

1º Tesoureiro: Sady Loureiro Neto

2º Tesoureiro: Pedro Henrique S. Araújo

1º Secretário: Evandro Lara de Araújo

2º Secretário: José Augusto Tonial Loureiro

Conselho Fiscal

Efetivos

Perisson Ricardo Peris

Marcelus Gomes Justus

Otávio Rennó Carvalho Dias

Suplentes

Isabel Penteado

Silvano dos Santos Teixeira

Alípio Magalhães Maciel