A unidade da Epagri (Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina) de Passos Maia, Oeste do Estado, convocou agricultores do município para a elaboração do Plano Plurianual 2018/2021, com o objetivo de levantar sugestões para a construção das metas de trabalho nos próximos quatro anos.

Os participantes integraram grupos de debate, respondendo um questionário com perguntas como os pontos fortes do meio rural de Passos Maia, o que precisa ser melhorado no interior e onde a Epagri pode se encaixar para contribuir com o desenvolvimento rural do município.

Entre as sugestões apresentadas estão trabalhos mais incisivos na piscicultura e produção de hortifrutigranjeiros. Também a melhoria do planejamento e da gestão de propriedades, o fortalecimento da cadeia leiteira, produção de grãos com ênfase na conservação de solo e água, além do melhoramento das atividades já tradicionais no município estiveram entre as ideias.

Conforme o engenheiro agrônomo da Epagri, Cezar Roberto Bevilaqua, outras duas prioridades foram elencadas em conjunto com os agricultores. Uma é relacionada à produção de grãos, melhorando o manejo do solo e da água, além do armazenamento da produção, e o fortalecimento de atividades tradicionais, com maior presença dos órgãos de assistência técnica e extensão rural,  para atuar na conscientização e educação do agricultor.