Menu
Grupo RBJ de Comunicação
Grupo RBJ de Comunicação,
22 de janeiro de 2021
Rádios

Acidente na BR-277 deixa oito mortos e mais de 20 feridos

Cotidiano

por Marcelo Marcos

EedzU_EXoAAtm-_
Publicidade
[Grupo RBJ de Comunicação] Acidente na BR-277 deixa oito mortos e mais de 20 feridos — FOTO=: São José Alerta
FOTO=: São José Alerta

Um engavetamento entre diversos veículos interditou totalmente a BR-277, no quilômetro 77, em São José dos Pinhais. A tragédia aconteceu entre o final da noite deste domingo (2), por volta das 22h.

Um incêndio em vegetação provocou o engavetamento, prejudicando a visibilidade na rodovia. A Polícia Científica realizava a perícia no local.

O comandante do Corpo de Bombeiros do Paraná, Coronel Prestes, concedeu entrevista à imprensa no local do acidente, onde fez um balanço do engavetamento.

A princípio, o acidente envolveu 5 motocicletas, 15 veículos leves, 1 caminhão e 1 viatura da Polícia Militar. Foram pelo menos 30 vítimas, sendo 8 óbitos no local, 2 vítimas em estado grave encaminhadas para hospitais, 5 vítimas com lesões de menor gravidade e 16 vítimas com pequenas lesões ou sem nenhuma lesão.

Publicidade
Publicidade

Atenderam o acidente pelo menos 10 ambulâncias, sendo 8 dos Bombeiros, 1 do SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e 1 da Ecovia. 3 caminhões de combate a incêndio também se envolveram no acidente. Além de pelo menos 15 viaturas leves (Polícia Rodoviária Federal, Polícia Militar, Bombeiros e Ecovia).

A região é conhecida pela intensa fumaça, causada pelas frequentes queimadas realizadas na vegetação por pessoas que moram ou frequentam as margens da rodovia, aliada à neblina. Infelizmente isso se repetiu no domingo e foi a causa principal da tragédia.

A baixa visibilidade da pista dificultou até mesmo o deslocamento das viaturas de socorro e Polícia Rodoviária Federal, que atenderam a ocorrência. A pista ficou fechada no sentido Paranaguá, litoral paranaense.

Mais de 30 viaturas do Corpo de Bombeiros, Siate ( Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma em Emergência) e Samu prestaram atendimento aos feridos. A Polícia Rodoviária Federal trabalhou para dar segurança aos veículos que passavam pelo local e evitar a aproximação de curiosos, uma vez que a área é habitada e a fumaça continuava muito densa até a 1h da madrugada, horário da última atualização desta matéria.

Publicidade