Grupo de peritos se reúne na sede do Regional Sul 2 para pensar a Cartilha de Orientação Política 2018

por Luiz Carlos em 9 de Janeiro de 2018 10:51
por Luiz Carlos em 9 de Janeiro de 2018 10:51

politicaNos anos eleitorais, a CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil) redige uma “Cartilha de Orientação Política” afim de orientar os fiéis sobre a importância de exercer sua cidadania e participar do processo político, por meio de um voto consciente.

A fim de começar a elaborar o texto para a Cartilha de Orientação Política 2018, no dia 05 de janeiro, reuniram-se na sede do Regional Sul 2 da CNBB, em Curitiba, um grupo de peritos no assunto, juntamente com o Pe. Paulo Renato Campos, assessor político da CNBB.

Os tópicos levantados para a Cartilha serão redigidos e o texto será apresentado aos bispos do Brasil na reunião do Conselho Permanente da CNBB, que acontecerá de 20 a 22 de fevereiro. Após a avaliação, parecer dos Bispos e, eventual, aprovação, a cartilha começará a ser produzida e podendo até ser veiculada nacionalmente. O desafio será conjugar um conteúdo atraente, numa linguagem simples, direta e atual e com uma diagramação criativa.

Esse material é sempre uma valiosa ajuda que a Igreja oferece ao Brasil para colaborar com o seu processo político. Afinal é uma responsabilidade do cristão, como exorta o Papa Francisco: “Para o cristão é uma obrigação envolver-se na política. Nós, cristãos, não podemos fazer como Pilatos: lavar as mãos. Não podemos! Devemos nos envolver na política, pois a política é uma das formas mais altas da caridade, porque busca o bem comum. E os leigos cristãos devem trabalhar na política”.

Fonte: cnbb

Compartilhar