MAGAZINE DE NATAL EXCLUSIVIDADE RBJ.COM.BR

Torre da Concatedral recebe mais de 12 mil visitantes em dezembro

por Francione Pruch em 4 de Janeiro de 2018 16:27
por Francione Pruch em 4 de Janeiro de 2018 16:27

Torre e ao lado a Concatedral / Foto: Luiz Bittencourt

Torre e ao lado a Concatedral / Foto: Luiz Bittencourt

Com novos horários de atendimento, aliados com a decoração natalina no calçadão, a Torre da Concatedral em Francisco Beltrão bateu o record de visitantes. Em dezembro, recebeu 12.756 visitas.

A maioria é do estado do Paraná, com 11.289, seguido por Santa Catarina (847), Rio Grande do Sul (220) e Mato Grosso com 161. Aparecem na relação, turistas de mais 13 estados do Brasil, caso do Amazonas e Maranhão.

“Foi um ano espetacular. A torre passou por inúmeros processos de revitalização, adequações, reformas, períodos fechados, inclusive assim batemos todos os recordes históricos do número de visitantes”. Comenta o Secretário de Desenvolvimento Econômico e Tecnológico, Inácio Pereira.

A Torre está localizada no centro da cidade, ao lado da Concatedral Nossa Senhora da Glória. O ponto turístico tem 100 metros de altura, dois almirantes que possibilita uma visão geral da cidade, além de elevador panorâmico. O monumento foi inaugurado em 2010.

Para subir na torre não é cobrado entrada. Além de visitantes do Brasil, turistas de outros países passaram pelo local durante o final de ano. Os registros são de Cuba, Paraguai, Argentina e Bangladesch.

“Ao longo do ano de 2017 tivemos 47.861 visitantes. Uma média de 4 mil visitantes por mês. Mas lembrando que meados de setembro a torre ficou 30 dias fechada, mais 15 dias inoperante entre outubro e novembro por questão da instalação natalina”, afirma Pereira.

 

 

Praça central vista de cima da torre / Foto: Francione Pruch

Praça central vista de cima da torre / Foto: Francione Pruch

Bombeiros utilizam a torre para fazer rapel durante formação de novos soldados / Foto: Francione Pruch

Bombeiros utilizam a torre para fazer rapel durante formação de novos soldados / Foto: Francione Pruch

 

Compartilhar