Na Amsop, Melek apresenta mudanças na legislação trabalhista

por Evandro Artuzzi em 11 de agosto de 2017 15:57
por Evandro Artuzzi em 11 de agosto de 2017 15:57

Marlos Melek, juiz federal, durante palestra na Amsop. Foto de divulgação

Marlos Melek, juiz federal, durante palestra na Amsop. Foto de divulgação

A partir do dia 11 de novembro passam a vigorar mais de 200 novos itens da legislação trabalhista. Mudanças aprovadas no mês passado e que foram tema de palestra com o juiz federal Marlos Melek, um dos integrantes do grupo de trabalho convocado pelo governo federal para redigir o texto da reforma.

“Na Justiça muito se fala da dignidade humana, mas somente quando é do trabalhador, do empresário nunca se falou da dignidade. Isso porque a atual legislação estimula um embate entre o empregado e o empregador, é tudo ou nada, não há um meio termo benéfico pra ambos”, explicou o juiz em sua fala.

Melek palestrou na Amsop (Associação dos Municípios do Sudoeste do Paraná) em um evento organizado em conjunto com sindicatos patronais ligados a Fiep (Federação das Indústrias do Estados do Paraná).

O juiz federal integra o Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da 9ª Região e tornou-se uma referência no assunto nos últimos anos. Ele é autor do livro “Trabalhista, e agora?”, que em 2016 figurou entre os cinco mais vendidos no gênero Administração & Negócios. Em sua passagem por Francisco Beltrão, Melek também lançou o livro “Trabalhista! O que mudou?”, que reúne as novas regras da legislação.

O juiz federal Marlos Melek palestrou na Amsop sobre as novas regras da legislação trabalhista. Foto de divulgação

O juiz federal Marlos Melek palestrou na Amsop sobre as novas regras da legislação trabalhista. Foto de divulgação

Os comentários para esta matéria estão desabilitados. Caso deseje comentar sobre este conteúdo, fique a vontade em utilizar o botão do Facebook logo no inicio da matéria para compartilhar seus comentários através de seu perfil na rede social.
Compartilhar