Motorista de ambulância de Candói é detido por embriaguez

por Evandro Carlos Artuzzi em 4 de Fevereiro de 2019 11:32
por Evandro Carlos Artuzzi em 4 de Fevereiro de 2019 11:32

Um motorista da secretaria de saúde de Candói, no Centro Sul do Estado, foi detido pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) durante fiscalização do Distrito de Guará, em Guarapuava. A detenção ocorreu devido a sintomas de embriaguez apresentados pelo servidor público. O exame do bafômetro acusou 0.17 miligramas de álcool por litro de ar expelido.

Na ambulância viajavam, além do motorista, mais quatro pessoas, uma enfermeira, um acompanhante e dois pacientes que se deslocavam para procedimentos em Campo Largo (PR). Lucas Gurnaski acompanhava o pai que é cardiopata. Ele contou que o motorista foi liberado após a atuação da PRF e teve a habilitação suspensa. A viagem teve sequência depois de duas horas de espera, com outro motorista.

O prefeito de Candói, Gelson Costa, disse à reportagem da Extra FM, de Chopinzinho, que tomou conhecimento da situação no sábado (2) a noite e determinou que a assessoria jurídica discuta com o secretário municipal de saúde, Juarez Turco, as medidas a serem adotadas com servidor envolvido.

Compartilhar