Mochilas escolares para Palmas(PR) ou Salvador(BA)?

por Ivan Cezar Fochzato em 6 de Abril de 2018 12:07
por Ivan Cezar Fochzato em 6 de Abril de 2018 12:07

O governo municipal de Palmas, na região sul do Paraná, adquiriu mochilas para todos os estudantes da rede de ensino local. Mas, ao invés de conter a identificação da prefeitura local, os materiais apareceram com a inscrição da Prefeitura de Salvador, na Bahia. A questão tentou ser resolvida com a aplicação de um adesivo sobre as inscrições. A improvisação tornou-se pública, à medida que as colagens começaram a se desprender  e motivaram diversos questionamentos dos pais e dúvidas quanto ao fato.

Conforme o Procurador do Município, Bruno Walmor de Moraes Barbosa,  a fornecedora – vencedora da licitação-  produziu as mochilas para o início do ano letivo, entretanto, terceirizou o serviço de serigrafia e, no equívoco, esta empresa imprimiu o logo da prefeitura de Salvador no material que seria destinado a Palmas. Para resolver a questão foram colocados os adesivos somente no lote específico.

Informou que a empresa reconheceu sua responsabilidade e que deverá atender todos os quisitos do edital de licitação, enviando para Palmas novas mochilas, desta vez com a impressão definitiva, sem prejuízo para os cofres públicos. Conforme o advogado também já foi orientado pela suspensão do pagamento dos referidos materiais, até que a questão seja resolvida definitivamente.

O governo local adquiriu os materiais ( mochilas e estojos escolares) através de pregão eletrônico da empresa Brink Mobil, com sede em Campo Grande, Mato Grosso do Sul, ao valor de R$ 109.999,97.

 

Compartilhar