MAGAZINE DE NATAL EXCLUSIVIDADE RBJ.COM.BR

Jovens de Pato Branco são flagradas com maconha na Régis Bittencourt

por Evandro Carlos Artuzzi em 7 de novembro de 2018 15:15
por Evandro Carlos Artuzzi em 7 de novembro de 2018 15:15
Esta matéria utiliza fontes de: G1 Santos

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu quatro traficantes de drogas, sendo duas mulheres e dois homens, e apreendeu cerca de 157 kgs de maconha, na madrugada desta quarta-feira (7), em Barra do Turvo, no interior de São Paulo. A droga estava escondida dentro de um carro que trafegava pela rodovia Régis Bittencourt.

De acordo com a PRF, por volta de meia noite, um carro foi abordado durante uma operação de rotina na rodovia, na pista sentido São Paulo. As duas mulheres, ocupantes do veículo, não souberam informar o motivo da viagem. Desconfiados, os policiais decidiram realizar uma fiscalização minuciosa no veículo.

A equipe encontrou drogas em vários compartimentos secretos do veículo. Os policiais acharam pacotes de maconha dentro da lataria, nas portas, nos parachoques, em um espaço atrás das lanternas e em um compartimento do motor.

Durante a abordagem, os policiais notaram que um outro veículo havia parado no acostamento, como se aguardasse o carro que transportava a maconha. Os agentes abordaram também esse outro carro e descobriram que ele realizava a escolta da droga, um serviço chamado pelos traficantes de “batedor”. Havia dois homens dentro deste carro.

Ainda segundo a PRF, eles confessaram que vieram do Paraguai com as drogas. O quarteto entrou no país pela cidade de Ponta Porã (MS) e entregaria a droga a uma pessoa, que ainda não foi identificada, em São Paulo.

Uma das mulheres que estava dentro do carro com as drogas foi identificada como uma vendedora, de 23 anos. A outra é uma inspetora de qualidade, de 25 anos. Ambas são de Pato Branco (PR). A mais nova receberia R$ 4 mil para o transporte das drogas e a outra jovem ganharia R$ 8 mil. Um pedreiro, de 21 anos, e um mecânico, de 29, estavam no veículo que fazia a escolta.

Os veículos, a droga e os quatro presos foram encaminhados à Polícia Civil e responderão pelo crime de tráfico internacional de drogas.

Compartilhar