Homem encontrado morto em ponto de ônibus ainda não foi identificado

por Evandro Artuzzi em 23 de dezembro de 2017 8:51
por Evandro Artuzzi em 23 de dezembro de 2017 8:51

Andarilho suspeito de ser a vítima de homicídio. A foto é de uma abordagem feita pela polícia a cerca de dois meses.

Andarilho suspeito de ser a vítima de homicídio. A foto é de uma abordagem feita pela polícia a cerca de dois meses.

Continua sem identificação no IML de Francisco Beltrão, no Sudoeste do Estado, o corpo encontrado em um posto de ônibus na Linha Santa Bárbara, próximo a trincheira da PR-483, no início da manhã de quinta-feira (21). A vítima é um homem com idade entre 25 e 30 anos. A Polícia Civil está investigando o caso e confirmou que o homem apresentava ferimentos na parte superior da cabeça e na boca.

De acordo com o investigador Édio Vescovi, a polícia trabalha com a hipótese da vítima se tratar de um andarilho que havia sido abordado a cerca de dois meses. Na ocasião, não soube informar o nome, motivo pelo qual foram colhidas impressões digitais, porém o resultado ainda não chegou. Se não houver a identificação, o corpo deverá ser sepultado com autorização da justiça, como indigente.

Apesar das poucas informações em relação a vítima, a polícia segue com trabalho intenso de investigação com intuito de elucidar o crime. Investigadores da 19ª SDP tentam descobrir como ocorreu e quem praticou o crime.

Os comentários para esta matéria estão desabilitados. Caso deseje comentar sobre este conteúdo, fique a vontade em utilizar o botão do Facebook logo no inicio da matéria para compartilhar seus comentários através de seu perfil na rede social.
Compartilhar