Gastronomia tem 4º festival em Coronel Vivida

por Redação RBJ em 23 de outubro de 2012 3:00
por Redação RBJ em 23 de outubro de 2012 3:00

Por Evandro Artuzi
Fonte: Assessoria imprensa

No dia 09 de dezembro, acontece a 4ª Edição da Sede do Sabor, em Coronel Vivida. O festival gastronômico é organizado pela Administração Municipal, por meio do departamento de indústria, comércio e turismo, e conta com o apoio dos “Vividenses de Coração”, que patrocinam e produzem voluntariamente os pratos servidos neste dia.

O lançamento do evento aconteceu na última semana, quando se reuniu a comissão organizadora para a confirmação das equipes, bem como alguns detalhes sobre o festival. Segundo o diretor do departamento de indústria, comércio e turismo, Noemir José Antoniolli, no encontro ficou decidida a permanência dos doze pratos. “Ainda, decidimos que estarão disponíveis dois mil ingressos, novamente no valor de quinze reais, como foi na edição de 2011”, revela.

Tradição:
A Sede do Sabor é uma das atrações do calendário oficial de Coronel Vivida e já se tornou tradição regionalmente. Além de saborear os doze diferentes pratos, que são feitos pelos “Vividenses de Coração”, os visitantes recebem um prato personalizado de brinde. “É comida de qualidade, porque os pratos são feitos por essas equipes como se fossem feitos para as suas próprias famílias”, destaca o prefeito Fernando Gugik.

Ainda, segundo Gugik, esse evento é resultado da união e da harmonia, pelas quais o município vem passando atualmente. “A Sede do Sabor é mais um dos eventos que nós fazemos e que sempre contamos com a união, com a harmonia das pessoas que realmente querem viver num município onde o respeito, o desenvolvimento, a fraternidade, o companheirismo, esteja sempre presente. Esse evento é mais um dos eventos criados nesta administração, que tem agradado não só a população de Coronel Vivida, como tantos e tantos visitantes de fora, que vêm. Certamente, a quarta edição vai ser novamente mais um sucesso”, conclui.

Os comentários para esta matéria estão desabilitados. Caso deseje comentar sobre este conteúdo, fique a vontade em utilizar o botão do Facebook logo no inicio da matéria para compartilhar seus comentários através de seu perfil na rede social.
Compartilhar