MAGAZINE DE NATAL EXCLUSIVIDADE RBJ.COM.BR

Fecomércio e Sebrae lançam o Varejo Mais em Ação, em Francisco Beltrão

por Evandro Artuzzi em 29 de junho de 2018 8:13
por Evandro Artuzzi em 29 de junho de 2018 8:13
Esta matéria utiliza fontes de: Redação com assessoria

Empresários e colaboradores de pequenos negócios foram apresentados ao Varejo Mais em Ação nesta quarta-feira (27), no escritório do Sebrae/PR, em Francisco Beltrão. Resultado da parceria entre a Fecomércio PR e o Sebrae/PR, o programa será realizado no segundo semestre. A iniciativa tem o apoio do Sindicato do Comércio Varejista de Francisco Beltrão (Sindicom), Associação Empresarial de Francisco Beltrão (ACEFB), Câmara da Mulher Empreendedora e Gestora de Negócios (CMEG), Clube de Diretores Lojistas (CDL) de Francisco Beltrão, Sesc e Senac.

Já no lançamento, o Varejo Mais em Ação proporcionou conhecimento aos empresários e colaboradores de micro e pequenas empresas. O consultor Leandro Krug Batista, de Curitiba, especialista em gestão de negócios de varejo, franquias e comércio eletrônico, falou sobre experiências de consumo e as tendências no varejo para este ano. Das 30 vagas disponíveis, 16 já foram preenchidas. Os interessados podem procurar o escritório do Sebrae/PR (46 3905-3700) ou o Sindicom (46 3055-3435). O investimento é de R$ 250,00 por empresa.

O lançamento contou com representantes das entidades parceiras (Foto: Antônio Menegatti)

O assessor da presidência da Fecomércio PR, Paikan Salomon de Mello e Silva destacou o envolvimento do empresariado beltronense nos projetos da federação. “Francisco Beltrão é uma cidade com empresários proativos. Em todos os projetos realizados aqui, sempre tivemos grande participação. Os resultados da região foram tão bons que motivaram a criação do departamento de Desenvolvimento Empresarial na federação”, revela.

Paikan também destaca o esforço da diretoria do Sindicom para realizar o programa no município.  “Mais de 200 cidades solicitaram e somente 26 receberão o Varejo Mais em Ação neste ano. O Sindicom mostrou muito interesse e lutou para que o comércio de Francisco Beltrão fosse beneficiado”, detalha o assessor da presidência da Fecomércio PR.

Pelo Sebrae/PR, o consultor Ivonei Loregian, responsável pelos programas do comércio na Regional Sul, aponta o envolvimento das entidades parceiras como fundamental para que o Varejo Mais em Ação chegasse aos beltronenses.

“Em Francisco Beltrão, as entidades trabalham em conjunto para o desenvolvimento da comunidade. Mais uma vez, o envolvimento foi decisivo e os empresários terão a oportunidade de, em quatro meses, repensar as estratégias e a forma de atuação de seus negócios”, reflete o consultor do Sebrae/PR.

Vilmar Bottin, presidente do Sindicom, ressalta que a nova diretoria do sindicato, que assumiu em fevereiro deste ano, teve de início a oportunidade de trabalhar em parceria com a Fecomércio PR e o Sebrae/PR no Varejo Mais em Ação.

“Ficamos muito felizes que Francisco Beltrão tenha sido um dos 26 municípios paranaenses a receber o programa. Já tivemos aqui outras edições do Varejo Mais em Ação, todas com muito êxito, e esperamos repetir os bons resultados com esta edição”, antecipa Bottin.

O palestrante Leandro Batista abordou as tendências para o varejo (Foto: Antônio Menegatti)

Empresários motivados
Rosangela Roessler, proprietária de uma  loja de confecções em Francisco Beltrão, é uma habitual participante de iniciativas da federação e do Sebrae/PR e confessa estar motivada para receber as 32 horas de capacitação e outras quatro horas de consultoria na empresa.

“As consultorias ajudam muito. Muitas vezes, estamos tão envolvidos no dia a dia da loja que não conseguimos ter uma visão mais abrangente do mercado e das tendências. Sem contar que o valor do programa, R$ 250,00, é praticamente simbólico”, compara Rosangela.

Fabiana Maciel também confirmou participação na edição deste ano. Trabalhando com venda direta de semijoias há dois anos, ela está na expectativa de acessar novos conteúdos.

“Tenho ótimas informações sobre o programa, de pessoas que participaram de edições anteriores e que tiveram sucesso na aplicação dos conhecimentos. Espero melhorar como empresária, aprender, esclarecer dúvidas e encontrar soluções para as dificuldades que enfrento no setor. Quero me dedicar, pois sei que poderei evoluir em vendas e competitividade”, conclui Fabiana.

Compartilhar