Show promovido pela Rede Bom Jesus de Comunicação e Rádio Onda Sul FM de Francisco Beltrão

Estudantes da UTFPR participam do Projeto Rondon

por Francione Pruch em 9 de julho de 2018 15:37
por Francione Pruch em 9 de julho de 2018 15:37
Esta matéria utiliza fontes de: Assessoria UTFPR-FB

Alunos e professores do Campus de Francisco Beltrão.

Com o objetivo de disseminar o conhecimento, contribuir com o desenvolvimento local sustentável e na construção e promoção da cidadania, um grupo de alunos e professores da UTFPR de Francisco Beltrão embarcou na quinta-feira (05) com destino a Bandeirantes, no Mato Grosso do Sul. A equipe participa da Operação Pantanal, promovida pelo Projeto Rondon. O Projeto é uma iniciativa do Ministério da Defesa e a proposta da UTFPR foi selecionada para integrar a missão.

Durante 12 dias os alunos selecionados, sob a supervisão dos professores Maici Duarte Leite e Gustavo Sato, desenvolverão oficinas nas áreas de comunicação, meio ambiente, trabalho e tecnologia e produção.

Integram a equipe as alunas da Engenharia Ambiental, Thays Cristiane Leonardi e Ana Luiza Forgiarini. Da Licenciatura em Informática foram selecionados Andreza Quintas e Raoni Reges de Almeida. O curso de Engenharia de Alimentos estará representado por Bianca de Lima e Thayná Oliveira e a Engenharia Química por Joel Miguel Nunes de Souza Junior e Lorrana Ferreira.

O rondonista Raoni conta que viu alguns cartazes na universidade e que conhece colegas que já participaram do Rondon em anos anteriores. “Resolvi me inscrever porque temos que devolver um pouco do que a universidade nos proporcionou para a comunidade e acredito que o Rondon é uma boa maneira de retribuir”, afirmou.

De acordo com Maici Leite, como se trata de um projeto voltado para as comunidades menos assistidas, com foco na formação de multiplicadores, nossas oficinas buscam contribuir para o desenvolvimento sustentável das comunidades, para o desenvolvimento e o fortalecimento da cidadania do estudante universitário, o bem-estar social e a qualidade de vida nas comunidades carentes, usando as habilidades universitárias”, finalizou.

 

Oficinas

Entre as oficinas que serão ofertadas pelo grupo estão reflorestamento e proteção de nascentes, filtro clorador de baixo custo, jogos educativos, elétrica domiciliar, reaproveitamento de alimentos, produto de limpeza ecológicos e mídia digital.

 

Compartilhar