Em 11 anos, 148 pessoas foram assassinadas em Palmas

por Ivan Cezar Fochzato em 6 de junho de 2018 10:46
por Ivan Cezar Fochzato em 6 de junho de 2018 10:46

Foi divulgado ontem(06)  o Atlas da Violência, 2018. Os dados foram apurados pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) e pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP), e que analisa dados de 2006 até 2016.

O estudo apresenta os dados de cada um dos estados brasileiros e, no caso do Paraná, em 2016 a taxa foi de 27,4 assassinatos para cada cem mil habitantes. Em nível de Brasil atingiu a taxa de 30 assassinatos para cada 100 mil habitantes.

No levantamento pelo RBJ, em 2016 Palmas teve uma taxa de 20,68 mortes levando-se em conta a estimativa populacional pelo IBGE de 48.339 habitantes. No intervalo de 11 anos(2006-2016) 148 pessoas foram assassinadas no município.

Em 2017 houve apenas 07 registros. Conforme o Delegado de Polícia, Vyctor Hugo Guaita Grotti, todos os casos foram solucionados quanto à identificação e indiciamento dos autores. Não entram para a estatística, pessoas que sofrem lesões corporais e morrem em decorrência de ferimentos, posteriormente.

 

Compartilhar