“Dia dos Namorados” aquece as vendas no comércio Beltronense

por Evandro Artuzzi em 11 de junho de 2018 14:00
por Evandro Artuzzi em 11 de junho de 2018 14:00

O amor está no ar. O dia dos namorados tem movimentado o comércio de Francisco Beltrão. No sábado (9), os apaixonados de plantão aproveitaram o tempo bom, a folga e o horário estendido e foram as compras do presente para a pessoa amada. Apesar de ser a primeira semana do mês, quando as vendas normalmente são melhores, esse fim de semana as lojas registraram movimento além do esperado.

A gerente de uma loja de calçados, Mari Mass, conta que desde de quinta-feira passada o movimento tem superado a expectativa. Ela revela que até os mais idosos estão trocando presentes. “Tá muito movimentado, pessoas tirou a mão do bolso mesmo, namorado né, namorado não tem quem fique sem dá o presente, então nós não poderíamos estar melhor né, a loja tá cheia desde que a gente abriu, muito presente mesmo, aquele senhorzinho e a senhorinha que tá dando presente também”, disse.

As opções para presentear a pessoa amada são inúmeras. Perfumes, joias, roupas e calçados tem sido os mais procurados. E não é apenas os namorados que trocam presentes nesse data não. Os casados também aproveitam, afinal são eternos namorados. É o que revela o funcionário público, Luiz Eduardo, que já garantiu o presente para a esposa. “Quanto mais tempo de casamento, mais a gente tem que agradar né, tem que presentear”, afirmou.

Presentar todos vão, mas qual o valor do presente? Segundo pesquisa do Serviço Nacional de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), esse ano por conta da recessão econômica, o valor do agrado não deve superar os R$ 150. O gerente de uma loja de departamentos, Lucas Andrade, garante que a maior procura esse ano está sendo por joias e relógios e o valor gasto tem sido em média de R$ 130. “Hoje a estimativa tá um ticket médio de R$ 120 a R$ 130 em questão de venda de produtos né”, frisou.

Independentemente do valor e do presente, uma coisa é certa. O dia dos namorados só perde para o Natal e Dia das Mães em vendas. No entanto, em Francisco Beltrão a CDL (câmara dos Dirigentes Lojistas) aposta numa mudança. Segundo o presidente da entidade, Ladi Dal Bem, o bom movimento registrado nos últimos dias dá demonstração que o dia das Mães pode ser superado com facilidade esse ano. “Eu acredito que no dia dos namorados, até pela movimentação que a gente está tendo, possamos superar sim o dia das Mães, que seria a segunda data do ano em vendas”.

Apesar do bom movimento no sábado, em que o comércio atendeu até as 16 horas, nesta segunda e amanhã terça-feira, dia dos namorados, as vendas também devem ser boas. A CDL recomenda que as lojas atendam durante o horário do almoço nesses dois dias para facilitar. “Recomendamos que a lojas não fechem ao meio dia, assim facilita pra quem trabalha comprar o presente”, destacou o presidente da CDL.

Ouça reportagem Onda Sul FM…

Compartilhar