Deputada Luciana Rafagnin comenta crise leiteira no Paraná

por Juliana Raddi em 11 de Fevereiro de 2019 17:57
por Juliana Raddi em 11 de Fevereiro de 2019 17:57

Os Pequenos produtores de leite do Sudoeste do Paraná continuam acumulando prejuízos com a crise leiteira que persistem desde o início de 2017. O preço da produção tem operado em queda comprometendo o comércio e a economia nas regiões produtoras.

(Imagem Ilustrativa)

A Deputada Estadual, Luciana Rafagnin, concedeu entrevista à Rádio Onda Sul FM e relatou que os produtores estão praticamente pagando para produzir o leite da região, “os nossos agricultores estão desesperados com a questão do preço baixo, porque na verdade os agricultores vêm pagando para trabalhar. Se colocar na ponta do lápis todo custo da produção, incluindo a mão de obra, ele vai ter prejuízo na venda do leite”.

A Região Sudoeste é a maior bacia leiteira do Paraná, e Luciana destaca que inúmeras as famílias sobrevivem da renda do leite “é importante que o governo do Estado e o governo Federal olhe com carinho para os nossos produtores”.

A medida do governo Federal que facilita a entrada e comércio do leite vindo principalmente da União Europeia, pode gerar grandes problemas aos produtores do estado. “Esse leite pode ser colocado no Brasil no preço bem mais baixo do que o custo que o nosso agricultor tem para poder produzir. E se for disponibilizado com preço super baixo, é claro que a população até pela questão econômica, vai acabar preferindo o leite em pó”.

Segundo a Deputada a questão da Previdência também é um assunto que deve ser debatido para evitar medidas que venham a prejudicar o trabalhador. Sobre o leite, a expectativa é que o governo Federal reveja essa questão, “porque se realmente continuar essa medida, dessa forma, vamos ter um prejuízo muito grande e eu falo até um sofrimento muito grande para os nossos agricultores”, alerta.

Confira o áudio na íntegra:

Compartilhar