MAGAZINE DE NATAL EXCLUSIVIDADE RBJ.COM.BR

Denarc prende trio que planejava assaltos no Sudoeste

por Redação RBJ em 24 de Março de 2014 10:28
por Redação RBJ em 24 de Março de 2014 10:28

Policiais civis da Divisão Estadual de Narcóticos (DENARC) do Núcleo de Repressão ao Tráfico Ilícito de Drogas de Pato Branco, sob o comando do delegado Leonardo Guimarães, apreenderam dois revólveres e prenderam três pessoas em flagrante na tarde do último sábado (22).

Após receberem diversas ligações informando sobre a atitude suspeita dos ocupantes de um Kadett batido que estava estacionado em um posto de combustíveis da cidade, uma equipe de policiais se deslocou para averiguar a situação e, após iniciar abordagem e a revista dos suspeitos, dois revólveres calibre 38 municiados e com numeração raspada foram encontrados. Eles pertenciam a Carlos Enrique Ribeiro, 25, e Elias Rodrigues Alves, 43.

Após serem presos, os suspeitos relataram a equipe policial que vinham de Campina Grande do Sul, região metropolitana de Curitiba, para Pato Branco e, na cidade de Mangueirinha, o outro veículo que viajava junto com eles colidiu em sua traseira e não pode prosseguir viagem. De posse dessa informação, uma equipe de policiais se deslocou até o local da colisão e fez uma entrevista com os ocupantes do veículo, que se mostraram nervosos, o que chamou a atenção dos policiais.

Ao serem conduzidos até a sede do DENARC Pato Branco, um deles se identificou apresentando uma CNH em nome de Alexandre da Silva. Após consultar no sistema, foi constatado que era um documento falso e essa pessoa na verdade era Cristiano Alves da Silva, 30, foragido da Colônia Penal de Curitiba desde julho do ano passado, onde cumpria uma pena de vinte anos de reclusão.

Leonardo Guimarães, delegado do DENARC Pato Branco, informa que esses três homens que foram presos planejavam ficar uma semana em Pato Branco e realizar uma série de assaltos a residências e ao comércio da cidade e da região. Segundo o delegado “tratam-se de pessoas perigosas, em especial Elias e Cristiano, pois juntos já possuem registros policiais pelo cometimento dos crimes de homicídio, furto, roubo, receptação, sequestro, falsidade ideológica e uso de documento falso”.

Ainda, o delegado Leonardo considera exitosa essa ação sob dois aspectos: o primeiro é atribuído à confiança que a população da região sudoeste tem na atuação rigorosa do DENARC Pato Branco no combate ao crime, tendo por base as inúmeras informações de crimes que o núcleo recebe. O segundo é no que compete à prevenção de futuros crimes contra a vida e contra o patrimônio, pois essa ação do DENARC que prendeu os três homens e apreendeu as duas armas evitou que diversos delitos viessem a ocorrer.

Os detidos foram apresentados na sede da 5ª SDP de Pato Branco onde ficarão recolhidos no setor de carceragem temporária a disposição do Poder Judiciário.


Os comentários para esta matéria estão desabilitados. Caso deseje comentar sobre este conteúdo, fique a vontade em utilizar o botão do Facebook logo no inicio da matéria para compartilhar seus comentários através de seu perfil na rede social.
Compartilhar