MAGAZINE DE NATAL EXCLUSIVIDADE RBJ.COM.BR

Confusão em assentamento termina com dois mortos e dois feridos

por Redação RBJ em 8 de setembro de 2016 17:58
por Redação RBJ em 8 de setembro de 2016 17:58

Carro das vítimas foi atingido por dezenas de disparos de arma de fogo. Foto: Divulgação PM

Carro das vítimas foi atingido por dezenas de disparos de arma de fogo. Foto: Divulgação PM

Uma confusão na comunidade de Linha Guajuvira, Assentamento Ireno Alves dos Santos, interior de Rio Bonito do Iguaçu, no início da noite de quarta-feira (07), feriado da Independência, deixou dois mortos e dois feridos. A ocorrência foi registrada pela Polícia Militar, por volta das 18h40.

Valderi de Lara, 32 anos, popular “Chumbo”, e seu irmão Claudinei de Lara, 22 anos, foram feridos por disparos de arma de fogo. Os irmãos estavam de carro e teriam sido baleados por um grupo de cerca de 10 pessoas, todas encapuzadas e armadas, após terem saído de uma reunião que aconteceu em um assentamento. Os irmãos foram surpreendidos numa estrada da comunidade quando retornavam para suas casas.

Fernando Oliveira de Lara, 40 anos, irmão de Claudinei e Valderi, estava junto no carro e morreu na hora. Além disso, outro homem identificado como Roberto Emilio Pasquali, 27 anos, foi morto. O corpo foi encontrado na estrada da comunidade, bem próximo do carro das vítimas.

A Polícia Civil esteve no local junto com a perícia da Criminalística e já deu início a investigação para apurar o fato. Segundo verificado, os irmãos possuem uma desavença com um morador do assentamento, o que pode ter sido a causa do crime. Além disso, foi constatado que um dos feridos, Valderi, encontra-se com mandado de prisão em aberto, sendo o mesmo conduzido a carceragem da 2ª SDP, após liberação do hospital. Os corpos das vítimas foram recolhidos ao IML de Pato Branco.

Fernando Oliveira de Lara, 40 anos, e Roberto Pasquali, 27 anos, foram os dois mortos.

Fernando Oliveira de Lara, 40 anos, e Roberto Pasquali, 27 anos, foram os dois mortos.

 

Os comentários para esta matéria estão desabilitados. Caso deseje comentar sobre este conteúdo, fique a vontade em utilizar o botão do Facebook logo no inicio da matéria para compartilhar seus comentários através de seu perfil na rede social.
Compartilhar