MAGAZINE DE NATAL EXCLUSIVIDADE RBJ.COM.BR

Casal é condenado a serviços comunitários e pagamento de atendimento a cão abandonado

por Ivan Cezar Fochzato em 25 de outubro de 2017 16:29
por Ivan Cezar Fochzato em 25 de outubro de 2017 16:29

Pelo crime de abandono de um pequeno cão, um casal de Ponte Serrada, Oeste de Santa Catarina, foi condenado pelo Poder Judiciário da Comarca local, a prestação de serviço comunitário e ao ressarcimento a uma clínica que tentou salvar o animal, que teve que ser sacrificado por não mais recuperar sua condição de saúde.

justica-casal-vai-cumprir-servico-comunitario-e-pagar-mais-de-r-1-mil-por-abandono-de-animal-1Conforme relatou o site Oeste Mais, o animal foi abandonado em uma estrada do interior no último mês de julho e encontrado duas semanas após por integrantes da ONG Pelos e Apelos. Através de publicação em rede social, a organização não governamental detalhou os cuidados despendidos ao cão ao longo de três dias, com serviços de duas médicas veterinárias e uma dentista.justica-casal-vai-cumprir-servico-comunitario-e-pagar-mais-de-r-1-mil-por-abandono-de-animal-2

Devido ao tempo de abandono, desde a lesão inicial, não foi possível restaurar as fraturas pela perda óssea e  da dentição; e rompimentos de nervos, que impediriam vida saudável ao pequeno animal, optando-se pela eutanásia.

Além das 20 horas de serviço comunitário, que deverão ser cumpridas tanto pelo homem quanto pela mulher, o casal aceitou na proposta de transação penal também pagar integralmente os serviços veterinários no valor de R$ 1.030. O abandono de animal é crime, passível de punição, com base  na Lei Federal 9.605/98, que inclusive prevê pena de detenção e multa.

Os comentários para esta matéria estão desabilitados. Caso deseje comentar sobre este conteúdo, fique a vontade em utilizar o botão do Facebook logo no inicio da matéria para compartilhar seus comentários através de seu perfil na rede social.
Compartilhar