Show promovido pela Rede Bom Jesus de Comunicação e Rádio Onda Sul FM de Francisco Beltrão

Armas artesanais e celulares são encontrados com detentos na 5ª SDP

por Evandro Artuzzi em 28 de junho de 2018 19:44
por Evandro Artuzzi em 28 de junho de 2018 19:44

Armas e celulares foram retirados das celas. Foto de divulgação

Uma operação na carceragem da 5ª SDP (Subdivisão Policial) de Pato Branco nesta quinta-feira (28) resultou na apreensão de armas artesanais e aparelhos de telefone celular. Os objetos e os aparelhos estavam de posse dos detentos.

A fiscalização, realizada pela Polícia Civil em parceria com Polícia Militar e Depen, começou as 8 horas da manhã e só foi concluída no fim da tarde, após ter sido feita uma vistoria minuciosa na carceragem e no solário da cadeia. Foram apreendidas armas artesanais fabricadas com talheres e pedaços de ferro, além de dois celulares. Um aparelho foi encontrado no pátio de sol e outro estava escondido dentro de uma bola de futebol.

Conforme o delegado Getúlio de Morais Vargas chefe da 5ª SDP, a fiscalização tem como objetivo garantir a segurança dos servidores que prestam serviço na cadeia pública, bem como prevenir fugas, rebeliões e até mesmo a morte de detentos, uma vez que dois foram encontrados mortos nos últimos dias.

Armas artesanais e celulares são encontrados com detentos na 5ª SDP

Uma operação na carceragem da 5ª SDP (Subdivisão Policial) de Pato Branco nesta quinta-feira (28) resultou na apreensão de armas artesanais e aparelhos de telefone celular. Os objetos e os aparelhos estavam de posse dos detentos.A fiscalização, realizada pela Polícia Civil em parceria com Polícia Militar e Depen, começou as 8 horas da manhã e só foi concluída no fim da tarde, após ter sido feita uma vistoria minuciosa na carceragem e no solário da cadeia. Foram apreendidas armas artesanais fabricadas com talheres e pedaços de ferro, além de dois celulares. Um aparelho foi encontrado no pátio de sol e outro estava escondido dentro de uma bola de futebol.Conforme o delegado Getúlio de Morais Vargas chefe da 5ª SDP, a fiscalização tem como objetivo garantir a segurança dos servidores que prestam serviço na cadeia pública, bem como prevenir fugas, rebeliões e até mesmo a morte de detentos, uma vez que dois foram encontrados mortos nos últimos dias.

Posted by Evandro Artuzi on Thursday, June 28, 2018

Compartilhar