Alcast amplia parque industrial para gerar mais 240 empregos

por Everton Leite em 4 de junho de 2014 7:27
por Everton Leite em 4 de junho de 2014 7:27

alcastA Prefeitura de Francisco Beltrão está colaborando com o aumento da capacidade produtiva da Alcast, indústria que atualmente é a maior produtora de panelas de pressão das Américas e está localizada na Secção Jacaré. Através de lei de incentivo econômico, aprovada pela Câmara de Vereadores e pelo Conselho do Trabalho, a empresa está recebendo 3 mil m2 de pavimentação asfáltica e 600 horas máquinas para terraplenagem da área.

É que a Alcast está transferindo sua unidade de fabricação de artefatos de alumínios de Palmas para Beltrão e concentrará no município todo seu parque industrial. Até então, a empresa mantinha em Beltrão somente a unidade de fundição e laminação de alumínio, que era enviado á Palmas para se transformar em uma panela, por exemplo.

Com a transferência, 240 novos empregos devem ser gerados. “É uma oportunidade que temos de trazer ao município uma empresa que gera desenvolvimento e colabora, através da arrecadação, com a melhoria da qualidade de vida da população”, afirmou o prefeito Cantelmo Neto, que visitou a Alcast nesta semana, acompanhado dos secretários de Assuntos Estratégicos, Gervasio Kramer, e de Desenvolvimento Econômico e Tecnológico, Jovelina Chaves.

Nas próximas semanas, a Alcast deve inaugurar mais um espaço industrial e começar as obras para a construção da nova unidade. Atualmente, a Alcast – com a marca Panelux – é a maior fabricante de panelas de pressão das Américas e detém 30% do mercado nacional; em dois anos, empresa quer ampliar a produção e dobrar o faturamento.

 

Os comentários para esta matéria estão desabilitados. Caso deseje comentar sobre este conteúdo, fique a vontade em utilizar o botão do Facebook logo no inicio da matéria para compartilhar seus comentários através de seu perfil na rede social.
Compartilhar